3.11.2014

A propósito do protesto do SINTE

Postado por PriAliança às 16:27

"Educação é importante", "educação tem que ser prioridade", "o mestre precisa ser valorizado". Até o primeiro protesto de professores atrasar sua chegada no trabalho. Até a primeira notícia de greve aparecer no jornal local - retratando os professores como mercenários. Até seu filho receber a primeira nota baixa.

Saia (ainda que mentalmente) do seu carrão e do seu escritório com ar-condicionado e se ponha no lugar do professor que anda 30min até o ponto, espera mais 20min, leva mais 40min pra chegar no "escritório" dele: uma sala apertada, com ventiladores quebrados e barulhentos, cheirando pó de giz, com o quadro estragado. E ainda 40 pessoinhas cheias de energia e nem sempre cheias de educação ou respeito.

Multiplique tudo isso por TRÊS TURNOS. E leve em conta que boa parte do trabalho do professor é feito em pé. E mais: se no seu fim de semana você tem o justo descanso, o professor comprometido vai ter sua ingrata paga: pilhas de provas pra elaborar; pilhas de trabalhos pra trabalhar; aqueles mil textos da especialização paga a muito custo pra dar conta da sua formação continuada.

Então, gente, da próxima vez que for reclamar de um protesto de professores... me exclua da sua TL antes, fazendo o favor.

NOTA: sim, minhas condições de trabalho são muito diferentes dessas que eu descrevi. Mas se isso me impedisse de me solidarizar com meus colegas de outras redes eu seria muito cretina.

0 comentários:

 

Priscila Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review